2016

Como planejar e estabelecer seu negócio ainda em 2016

5 (100%) 1 vote

De fato que o cenário parece não ser favorável para aquele que quer começar um negócio em um ano que vem seguindo a uma “crise” que abrange todo o Brasil. Mas aquele que souber planejar, inovar e captar as oportunidades, a “crise” pode ser uma aliada. O ambiente econômico turbulento, no entanto, exige mais preparo para reduzir riscos e ser assertivo nos negócios.

A crise, porém, não deve, nem pode paralisar completamente a economia. É justamente a persistência do empreendedor que vai ajudar a rodar novos negócios, estimulando a reação de que o país precisa para voltar a crescer. Em 2016, a relação custo x benefício será a grande chave da economia brasileira.

Com menos oportunidades de emprego, empreender na crise é uma saída para melhorar a renda e usar a experiência para fazer o que gosta. Especialistas alertam que gestão é fundamental para quem busca empreender neste ou em qualquer momento. Mas, os períodos de crise econômica, de certa forma, ajudam as empresas a criar processos mais assertivos, conter custos, inovar e serem mais criativas.

Alguns cuidados básicos são fundamentais para novos empreendedores, vale listar alguns para começar 2016 empreendendo:

  1. Planejar: Se você já tem em mente o tipo de negócio que deseja ter e está disposto a se dedicar para transformar seu sonho em realidade. O planejamento para que sua empresa possa superar com sucesso o processo de maturação. Um plano de negócio bem definido é apenas o início, mas é preciso ir um pouco além e traçar estratégias para se estabelecer e crescer.
  1. Concorrência: Quem são os concorrentes do mercado? Quais são os pontos fortes e fracos deles? Conhecer a concorrência irá te ajudar a criar um diferencial e principalmente entender se há demandas não atendidas e utilizar isso ao seu favor.
  1. Gestão financeira: Cuidado importante com o capital de giro. Tem que computar o capital de giro, pelo menos de 4 a 6 meses, sem necessidade de tirar ou aportar mais dinheiro. Se preciso considere a participação de investidores, é importante garantir a operação, planejar como captar, precificar serviços e produtos, definição de portfólio e como reinvestir isso no negócio.
  1. Invista em networking e seja otimista: Manter uma rede de contatos, conquistar parcerias, é fundamental. A capacitação e a rede de relacionamentos são importantes na atividade empreendedora. Ser otimista faz parte de todo um pensamento empreendedor, exercite a automotivação e fique de olho no mercado.

Mesmo diante de más perspectivas, as oportunidades ainda existem e muitos vão escolher o empreendedorismo em 2016. Precisamos de empreendedores que mostrem o verdadeiro papel que os negócios podem ter na construção de um país com iguais oportunidades para todos. O importante é ter um bom plano estratégico e uma gestão eficaz.

Write a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.